Eleições e Educação

postado em: Notícias, Outros | 0

30 de setembro de 2022

No dia 02 de outubro depositaremos nosso voto de confiança em representantes que irão governar e legislar o nosso país por um período de quatro anos. A EDUCAÇÃO sempre é um dos temas defendidos nos debates.

Aqui entre nós, que escolha devemos fazer? Votar em representantes que estarão defendendo uma educação de qualidade e a valorização dos trabalhadores, no nosso caso, trabalhadores em educação ou votar nos que defendem os interesses empresariais?

Alguns parlamentares se colocaram novamente à disposição para serem reeleitos. Você pode acessar os links #Eleições2022 https://bit.ly/contee150922 ou https://quemfoiquem.org.br/ e fazer suas análises e escolhas e votar no futuro parlamentar.

Reflita sobre alguns dados que vivemos na EDUCAÇÃO nos últimos anos: as negociações coletivas não conseguem repor a perda inflacionária do período negociado reduzindo a média salarial; os professores têm tido redução das jornadas de trabalho, tendo que lecionar em várias escolas para garantir seu sustento; alterações nas grades curriculares possibilitando a concentração e a redução de disciplinas no currículo escolar; falta de apoio e de proteção durante e pós pandemia da COVID19 são alguns dos exemplos mais gritantes das dificuldades.

Estamos diante de uma educação conservadora, sendo que nos últimos anos, foram implantadas políticas que reduzem o papel emancipador da escola como, por exemplo: aprovação da reforma do Ensino Médio, definida sem a participação dos professores e contrariando seu caráter público, inclusivo e universal; a crescente participação do setor empresarial em instituições de ensino, descaracterizando o papel do ensino e do professor; a militarização de instituições escolares, induzindo uma conscientização de obediência cega e sem reflexão; o movimento Escola sem Partido estabelece limites e censura à ação pedagógica.

Nos entendemos como cidadãos que defendem uma educação que liberta, que faz pensar e ser crítico, que dá poder de escolhas, que dá independência, que faz buscar por si mesmo além da escola, que inclui, que aproxima dos movimentos sociais, que desperta a busca de direitos, o reconhecimento de culturas e saberes distintos, que libertam corações e mentes (Paulo Freire), e que nos tornam sujeitos de nossas próprias vidas em benefício de todos.

Ressaltamos que a tarefa do professor é de possibilitar a inserção dos alunos de modo responsável, crítico, produtivo e transformador, no mundo em que vivemos. Por tudo isso é que reconhecemos e destacamos a importância do momento tão especial que vivemos. Que cada um de nós vote com consciência, escolhendo aqueles candidatos que realmente representam o seu pensamento e os seus sonhos de um país melhor.

Organizados e mobilizados nos fortalecemos e melhoramos a educação no país.

1 + 1 é sempre mais que 2!
Se você é filiado, atualize seu cadastro click aqui:

https://www.sinpronorte.org.br/atualizacaocadastral/

Para ser associado click aqui:
https://www.sinpronorte.org.br/filie-se/

A Direção

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 4 =