Ensino privado está entre setores com melhor saldo de demissões e admissões em SC

postado em: Notícias | 0

O ensino privado puxa para cima o saldo de admissões e demissões em Santa Catarina no primeiro semestre de 2016. Enquanto o estado fechou o período com uma variação negativa de 0,37%, o ensino privado teve variação positiva de 4,72%.

Entre janeiro e junho de 2016, o setor teve 12.989 admissões e 10.056 desligamentos. O ensino privado ficou com o terceiro melhor desempenho. A indústria têxtil teve 8,62% mais admissões que desligamentos. A administração pública alcançou índice de 16,63%.

O desempenho não é necessariamente motivo de comemoração. Como a recontratação sempre ocorre com salários menores, essa é uma estratégia para diminuir despesas nas escolas à custa dos trabalhadores.

Os dados dos últimos 12 meses e do primeiro semestre de 2016 mostram uma tendência de melhora no saldo entre demissões e admissões no total do estado. Enquanto os últimos 12 meses tiveram variação de -3,89%, o primeiro semestre de 2016 se aproximou de zero, chagando a -0,37%. Nos dois períodos, o ensino privado aparece entre os setores da economia catarinense com melhor desempenho.

Os dados são do MTE – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados e apurados pelo Dieese. Veja os dados completos de Evolução do Emprego por subsetor de atividade econômica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze − três =