Professores do curso de Jornalismo lançam nota contra projeto "Escola Sem Partido"

postado em: Notícias | 0

Um grupo de professores universitários do curso de Jornalismo do Bom Jesus/Ielusc divulgou na última sexta-feira (10 de maio) um nota pública sobre o projeto de lei “Escola Sem Partido”. Eles repudiam o projeto que tramita na Câmara de Vereadores de Joinville. Segundo a nota, a proposta da vereadora pastora Léia é uma afronta às liberdades constitucionais e ao projeto de educação previsto nos Parâmetros Curriculares Nacionais.

A nota explica que o objetivo do projeto é “coibir a abordagem de temas e conteúdos que fomentem a problematização do senso comum e, consequentemente, a reflexão e a ação crítica sobre crenças e morais historicamente dominantes”. E conclui: “trata-se, portanto, de um movimento ideologicamente posicionado que, ao contrário da ‘neutralidade’ defendida, tem pretensões políticas evidentes.”

Leia a nota completa aqui.

Sobre o PL 221/2014 – Lei da Mordaça

É um projeto impulsionado pela Organização Não Governamental (ONG) Escola Sem Partido. Ele tramita na Câmara de Vereadores de Joinville e em diversos locais do país, na forma de projeto de lei que visa proibir a liberdade de expressão nas escolas. Ele determina que todo professor deve abster-se de introduzir, em disciplina ou atividade obrigatória, conteúdos que possam estar em conflito com as convicções morais, religiosas ou ideológicas dos estudantes ou de suas famílias. Temas como política, gênero e religião não poderão ser discutidos em sala de aula.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − onze =